COPACESP participa do Workshop de Planejamento Estratégico da Cachaça

Antônio Baldinotti, Vicente Bastos Ribeiro e Antônio Olivaldo Rodrigues em prol da evolução da Cachaça do Brasil que hoje está inserida no Plano Brasil Maior da Presidente Dilma Rousseff. Avante Brasil!
Antônio Baldinotti, Vicente Bastos Ribeiro e Antônio Olivaldo Rodrigues em prol da evolução da Cachaça do Brasil que hoje está inserida no Plano Brasil Maior da Presidente Dilma Rousseff. Avante Brasil!

O Workshop de Planejamento Estratégico da Cachaça, promovido pelo IBRAC nos dias 26 e 27 de fevereiro teve mais de 50 representantes da cadeia produtiva, entre eles estavam o presidente, Antonio Olivaldo Rodrigues e o Diretor de Qualidade, o químico Antonio Baldinotti que foram representar a COPACESP  em Brasília/DF.  Esses Diretores, assiduamente, procuram participar dos eventos que são fundamentais na cadeia produtiva de Cachaça, pois a COPACESP há mais de 40 anos presta serviços tanto para os cooperados como para os engarrafadores de Cachaça no Brasil.

A presença dos Diretores da COPACESP foi reconhecida pelo presidente executivo do IBRAC, Vicente Bastos Ribeiro.

“Quero agradecer em nome do IBRAC, a participação dos ilustres Diretores da COPACESP no Workshop de Planejamento Estratégico da Cadeia Produtiva da Cachaça, realizado com o apoio da APEX-Brasil, durante os dias 26 e 27 de fevereiro de 2013, no Hotel Brasília Palace, Brasília-DF. Historicamente vivenciamos um momento especial da Cachaça, uma experiência agradável de trabalho e convivência. Também, agradeço a colaboração nas ideias, nos debates, na construção de caminhos para conquistas ainda mais significativas para o desenvolvimento de nossa atividade”.

Vicente Bastos fala da importância de manter a COPACESP e o IBRAC unidos em prol da Cachaça no Brasil.

“No retorno as nossas rotinas, é fundamental nos mantermos unidos, envolvidos, comprometidos e disseminadores entre nossos pares, desse grande movimento que haverá de elevar a Cachaça a ser reconhecida como bebida de orgulho nacional, e um grande negocio que promove desenvolvimento ao nosso país”, finaliza o presidente executivo do IBRAC, Vicente Bastos Ribeiro.

De acordo com o Diretor de Qualidade, Antonio Baldinotti  disse que a participação da diretoria da COPACESP em eventos que tratam da evolução da cachaça foi produtiva.

“A participação no workshop da cachaça foi positiva, principalmente onde houve a participação de vários estados do Brasil com seus representantes – haviam dezenas de marcas de Cachaça. Neste encontro houve debates, várias ideias na construção dos caminhos significativos para o crescimento do setor”, disse Baldinotti.

O presidente Antonio Olivaldo Rodrigues analisou que neste  workshop da Cachaça foi conduzido por entidades ligadas ao setor de Cachaça como, o CORS-USP,  SENAI, SEBRAI, APEX, IBRAC, OZ BRANDING CACHAÇA e outras com participações especiais para o desenvolvimento do setor da Cachaça. Ele comenta que a realização de um trabalho interno no Brasil sobre o reconhecimento já conquistado no exterior prevalece; ainda mais com as informações que a mídia anuncia sobre o  aumento das exportações da Cachaça.

“Observando sobre a ótica do reconhecimento da Cachaça como um produto genuinamente brasileiro pelos Estados Unidos, o Brasil tem tudo para que as exportações brasileiras passe de 1% atuais para 10% até os anos de 2018”, reflete o presidente da COPACESP.

Sobre a inclusão da Cachaça no Plano Brasil Maior, um Programa da Presidente Dilma Rousseff,  é um grande apoio do Governo Federal aponta o Diretor de Qualidade, Antonio Baldinotti.

“A inclusão da cachaça no Plano Brasil Maior, facilitaria os tramites no setor, pois haverá menos burocracia no sistema tributário e nas regras de exportação dos produtos gerando um apoio de grande importância do Governo Federal”, explica.

Entre outros eventos que estão por vir,  a Diretoria da COPACESP , em maio de 2014 deverá participar de reuniões em Brasilia/ DF do IBRAC e CAMARA SETORIAL DA CADEIA PRODUTIVA DA CACHAÇA. “Nesses próximos eventos espera-se  um final para o contaminante CARBAMATO DE ETILA,e outros problemas em pauta ligados ao setor”, disse Baldinotti.

COPACESP  X  ENTRESAFRA
Os cooperados da COPACESP estão nos últimos momentos de entressafra. Para início da safra 2014/2015 que irá ocorrer no próximo mês – Os cooperados produtores de cachaça estão terminando os ajustes necessários para uma safra sem problemas em suas industrias. O Diretor de Qualidade, Antonio Baldinotti aponta os últimos reparos que os Cooperados realizam para iniciar a safra.

“Na indústria o mais importante é moagem, como regulagem de moendas, preparo de cana como jogos de faca ou picadores, principalmente fazer as manutenções  nos desfibradores, peneiras com poder de segurar quase por completo o bagacinho da cana moída, revisão das bombas e outros maquinários que fazem parte para uma boa extração do caldo”, destaca o Diretor de Qualidade Antonio Baldinotti.

Ele ressalta a importância dos cooperados implantar o Gomo Retificador para melhor produção na cachaça do Brasil.

“Na parte da Destilação a COPACESP faz um pedido aos Cooperados –  é imprescindível à colocação do GOMO RETIFICADOR para não termos problemas na entrega da Cachaça com Carbamato de Etila Elevado.

Pelo fato que fazemos o melhor para a indústria, com certeza teremos uma safra 2014/15 com o rendimento dentro do esperado, principalmente no setor de qualidade da cachaça”, finaliza Baldinotti.

Presidente do IBRAC, Vicente Bastos reconhece a liderança da COPACESP através da Diretoria representada por Antônio Olivaldo Rodrigues (Presidente e Cooperado) e Antônio Baldinotti (Químico e Diretor de Qualidade) que busca qualificar o que há de melhor no quesito da Cachaça do Brasil

 

jkkjk

 

Check Also

vencedores

Brasil terá 2a Edição do Concurso Nacional de Rabo de Galo

    São Paulo recebe II Concurso Nacional de Rabo de Galo com entrada e ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *